quarta-feira, 5 de julho de 2017

KEFIR–Você conhece?


Estou querendo “mudas” de KEFIR, para preparar e tomar diariamente.

As “mudas” eram doadas, pois crescem todo dia, mas parece que virou moda e tem gente que vende (o que acho um absurdo).

Fiz uma pesquisa pela internet e descobri algumas coisas.


Kefir é um leite fermentado produzido a partir da ação dos micro-organismos presentes naturalmente nos grãos de Kefir.

Sua origem remonta às montanhas do Cáucaso, há séculos.

O termo kefir vem do eslavo “keif”, que significa bem-estar ou bem viver.

O kefir vem se tornando popular nas últimas décadas, principalmente em países da Europa Central.

 

O aumento do consumo em várias regiões do Brasil está relacionado às suas características sensoriais e funcionais.

Os grãos são constituídos por uma associação positiva entre leveduras e bactérias benéficas.


KEFIR - foto

 

Para produzir kefir é necessário possuir os grãos de kefir, por isso é comum a doação dos grãos pelas pessoas que produzem.

Esses grãos devem ser imersos em um substrato, que pode ser leite [de vaca, cabra, ovelha ou búfala], água com açucar  mascavo ou sucos.

A proporção indicada é de uma colher de sopa de grãos de kefir para cada meio litro de líquido.

A  mistura deve ser colocada em um pote de vidro, que não deve ser tampado, apenas coberto por um pano e mantida a temperatura média de 20ºC a 37ºC.

Para consumir um kefir mais suave, é indicado o tempo de fermentação médio de 6 horas.

Mais forte, deixar 24 ou 48 horas.

Após fermentado, o prazo de validade do kefir sob refrigeração é de até três dias.

Li que o de água não deve ser colocado na geladeira.


O sabor e o aroma do kefir variam de acordo com a ação metabólica das bactérias e leveduras presentes nos grãos.


O kefir de água pode ser produzido em água sem cloro, água de coco, contendo açúcar mascavo , prefiro esse, não tomo leite.

 

Como consumir kefir?

Para consumir o kefir é indicado passar a mistura em uma peneira para separar os grãos do líquido.

Os grãos podem ser reaproveitados para produzir um novo kefir.

A aparência do kefir é semelhante ao do iogurte e da coalhada.

Usar, sempre, garrafas ou copos de vidro, peneiras de plástico.

Não usar metal, alumínio ….


Estou a procura de quem tenha para doar e que seja perto de minha casa (não quero através dos Correios).

Se você já usa o Kefir, conte aqui nos comentários a sua opinião.

Obrigada pela visita, volte sempre.

Red heart


7 comentários:

  1. Quais os benefícios,nunca tinha ouvido falar.

    ResponderExcluir
  2. Olá Jô, tudo bem?
    Antes de mais nada quero agradecê-la pelas visitas no meu blog, é sempre delicioso ler os seus comentários, obrigada.
    Não conhecia o kefir, vou procurar saber mais.
    Você me perguntou sobre como abrir a sua lojinha no site Enjoei, é bastante simples, basta entrar no site (https://www.enjoei.com.br), no canto superior direito da tela, tem um ícone vermelho escrito "quero vender", basta clicar nele, fazer o seu cadastro e seguir as instruções do próprio site.
    Eu gostei bastante, pois, podemos vender de tudo: roupas, sapatos, livros, artesanato, enfim, todos os itens que quisermos nos desapegar, você coloca fotos, descrição, se é usado ou não e define o valor.
    O site cobra uma porcentagem sobre cada item vendido, mas, todos os sites de venda online o fazem também.
    E sobre o frete, você pode escolher opções de entrega em mãos, frete por conta do comprador (que é a minha escolha) ou frete por sua conta.

    Se eu puder ajudar em mais alguma coisa, estou à disposição,

    Com carinho,
    Andreza Silva Souza
    www.detalheseartes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Aqui em Portugal, o Kefir está na "moda",...
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderExcluir
  4. Oi Jo,
    Eu andava curiosa para saber o que era realmente, pois não se fala em outra coisa na academia onde frequento, mas falam pela metade.
    Gostei da dica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá Jô,não conheco o kefir.Nunca ouvir fazer.Obrigada por partilhares! Fiquei feliz com sua visita,volte sempre,beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Oi Turquezza, as coisas vão e voltam, conheço kefir de muitos anos (já foi moda) depois sumiu por um tempo e agora ressurgiu, quando usávamos não vimos nem um efeito no nosso organismo fenomenal, é tipo iogurte, fazíamos com leite, mas tem um detalhe, ele se multiplica muito, tem gente que bate ele junto e toma, nos ficávamos com nojinho de bater junto; tem que cuidar, tipo trocar o leite diariamente, lavar em água corrente, um dia minha mãe se encheu do trabalho que dava e a gente não aguentava mais tomar aquele iorgute, minha mãe se livrou do kefir. Espero que você consiga alguém que lhe dê, bom fim de semana,beijos,Vi

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho mudas de kefir, mas eu moro em São Paulo :o(
    Preciso dar um jeito de fazer chegar até aí :o)

    ResponderExcluir

Oi, que bom que você veio deixar umas palavrinhas sobre esta postagem.
Adoro interagir. Muito obrigada. Volte sempre, tá?